sexta-feira, julho 31, 2009

Já sei

Maya antes de pousar para a FHM lançou as suas cartas de Tarot.
Antes do lançamento e de virar a carta perguntou:
“Deverei eu, Maya Maria, desnudar-me perante Portugalito inteiro numa revista só para homens?”
E o Tarot sem perder tempo, respondeu prontamente com a carta “O Louco”.
Ora a carta “O Louco” significa:
“Loucura. Irreflexão. Extravagância. Imaturidade. Ingenuidade. Irracionalidade. Espontaneidade. Falta de disciplina. Precipitação. Exibicionismo. Excessos sem limites. Actos ridículos. Desatenção com pormenores importantes.”
Trocando por miúdos, o Tarot foi amigo e desaconselhou Maya de tamanho disparate dizendo-lhe claramente:
“Maya querida, está mas é sossegadita, não te ponhas com essas ideias levianas, olha que o dinheiro não é tudo, não te despojes dos trapitos, tapa mas é o corpinho, olha que já não tens 20 anos”
Mas como Maya lá no fundo não acredita muito nestas coisas do Tarot, ignorou o prenúncio e...
Xanãaaaaaaaaaaa:



Vou ali vomitar outra vez, já volto.

A Maya???!!


A Maya na capa da FHM??!!
Não há salvação...
Está tudo doido...
Louvado seja o Photoshop, mas coitado não faz milagres...
Para a semana põe quem?! Manuela Ferreira Leite?! Uhhh sexy!
Vou ali vomitar e já volto...

quinta-feira, julho 30, 2009

Parabéns

Hoje o meu maridinho está de parabéns, conta com 36 aninhos de vida, e como tal hoje é dia de festa ;)


Esta é para ti



You're a falling star, You're the get away car.
You're the line in the sand when I go too far.
You're the swimming pool, on an August day.
And You're the perfect thing to see.

And you play your card, but it's kinda cute.
Ah, When you smile at me you know exactly what you do.
Baby don't pretend, that you don't know it's true.
Cause you can see it when I look at you.

And in this crazy life, and through these crazy times
It's you, it's you, You make me sing.
You're every line, you're every word, you're everything.

You're a carousel, you're a wishing well,
And you light me up, when you ring my bell.
You're a mystery, you're from outer space,
You're every minute of my everyday.

And I can't believe, uh that I'm your girl,
And I get to kiss you baby just because I can.
Whatever comes our way, ah we'll see it through,
And you know that's what our love can do.

And in this crazy life, and through these crazy times
It's you, it's you, You make me sing
You're every line, you're every word, you're everything.

So, La, La, La, La, La, La, La
So, La, La, La, La, La, La, La

And in this crazy life, and through these crazy times
It's you, it's you, You make me sing.
You're every line, you're every word, you're everything.
You're every song, and I sing along.
Cause you're my everything.
yeah, yeah

quarta-feira, julho 29, 2009

O vizinho foi de férias…


e neste momento estou sem net de borla em casa.
Eu sei, eu sei, shame on me andar a aproveitar-me dos recursos do vizinho… mas lá no fundo a culpa é do técnico da Netcabo que instalou o router wireless ao senhor completamente desprotegido, e extremamente vulnerável para pessoas como eu, desesperadas quando desligadas do mundo, leia-se quando sem Net.
Descobri que tinha net de borla na cozinha, quando há uns tempos precisei de tirar uma dúvida sobre a receita de Tiramissu, e não tinha em casa a nossa net móvel da TMN.
Lembrei-me de ligar o portátil e percorrer a casa na esperança de encontrar um vizinho com a net desprotegida.
Foi precisamente na cozinha que detectei a ligação de borla do generoso router, e voilá o Tiramissu foi concluído com sucesso.
Pessoalmente não sou fã de Tiramissu, no meu caso o nome só poderia fazer ainda mais sentido se fosse completo com “isso da frente” ficando assim “Tira-me isso da frente!”
Não gosto de Tiramissu, mas pronto o meu homem gosta e como tal aqui a menina faz a vontade ao menino.
Sexta-feira lá terei de repetir a dose de Tiramissu para a festa de sábado, amanhã há um aniversariante especial lá por casa, são 36 anos de vida, há que comemorar em grande! :O)

terça-feira, julho 28, 2009

Havaianas


Ontem recebi estas Havaianas lindas, vindas directamente de S.Paulo.

Obrigada Ana! :)

segunda-feira, julho 27, 2009

"Ah e tal

vamos andar de barco e mota de água"
"Então temos de comprar o Piz Buin Sunband" - disse eu
Sou fã da Piz Buin, e depois os tipos saem-se sempre com inovações porreiras.
A invenção mais recente no campo da protecção solar da Piz Buin, a Sunband.


É uma pulseira a usar este verão ;)



Disponível em várias cores :)

Preciso de ...


Fériiiiiiiiiiiiiassssssssssssssssssssssssssssssssss!
Os fins-de-semana são bons, dão para descontrair na praia, fazer churrascadas com os amigos e divertirmo-nos.
Mas 2 dias é pouquinho...
Preciso de ir de férias, e estar longe do trabalho o tempo suficiente para esquecer a password de login na empresa.
Isso sim são férias!
Até lá tenho ainda de suspirar por mais duas semanas...

sexta-feira, julho 24, 2009

Trailer of Alice in Wonderland

Mr. Apu

Reuniões com os colegas indianos fazem lembrar-me daquele personagem dos Simpsons, o Apu Nahasapeemapetilon.


Parece que o estou a ouvir...

quinta-feira, julho 23, 2009

Parabéns Tita!

Mais uma amiga que é Mãe!

Bem-vinda Maria Louise!

Como a bebé nasceu lá longe em terras Islandesas, aqui fica uma música da islandesa mais conhecida no mundo, Björk.

Esta é para ti, pequenina Maria Louise.

quarta-feira, julho 22, 2009

A minha professora de religião e moral

foi uma personagem que me marcou muito na minha adolescência, caso contrário não teria pesadelos com ela ainda hoje.
Digamos que a criatura conseguiu distinguir-se como a professora que mais nos traumatizou durante toda a nossa adolescência.
A senhora tinha especial interesse por filmes que ninguém queria ver, e tinha gosto em partilhá-los connosco.
A selecção era do melhor, desencantados não sei bem de onde, eram filme escolhidos a dedo e que por isso nunca ninguém tinha ouvido falar, nunca tinham estado em cartaz, desconhecidos do público em geral, e todos eles deprimentes até à película.

O primeiro filme que ela passou tinha por intenção sensibilizar-nos para a questão do aborto.
Era um filme com tradução em português do Brasil que mostrava cenas no mínimo chocantes, de um feto a fugir de uma agulha com um comentador brasileiro praticamente histérico que dizia:
“Olhe! Olhe como ele foge, o feto está fugindo da agulha! O feto está sofrendo, está fugindo da agulha, nossa e que agulhão!”

Uma palavra: Credo.

Para começar este tinha sido uma péssima escolha, pensámos nós, de estômago ainda embrulhado lá saímos da malograda sessão de matiné, longe de imaginar que este era só o primeiro de muitos filmes “de terror” que nos esperavam.

O filme que se seguiu foi o de uma criança com problemas renais e que tem de receber uma transfusão de sangue.
Um sonho de filme, este devia esgotar bilheteiras caso tivesse ido parar ao cinema, sem dúvida um forte candidato aos óscares de Hollywood só pelo argumento.
Como não podia deixar de ser, o filme era um dramalhão.
Toda aquela angústia experimentada no primeiro filme voltava a repetir-se quando no desenrolar da estória, é descoberto que o sangue estava contaminado com HIV e o miúdo tinha ficado infectado com o vírus da sida.
Uma maravilha de filme, do best tendo em conta que praticamente todo o filme gira em torno da preparação de todos para a morte da dita criança. O drama familiar, o problema da sida...
Um filme de cortar os pulsos.
No mínimo.
Lembro-me que chorámos baba e ranho tal era a violência psicológica das imagens e do drama em si.
Chegou uma altura em que começou a ser usual levar lenços para aquelas sessões e perfeitamente natural sair delas com nariz à Rodolfo.

Depois de algum tempo já toda a gente tinha ganho autodefesas nas aulas de religião e moral, estávamos sensibilizadas para todo aquele afecto e carinho por parte da nossa querida professora, tudo era possível vindo daquela alminha.

É então que começa um novo filme, e este relatava o início das férias de 4 amigas nos USA, que acabavam as aulas e decidiam pegar no carro e ir de férias para um sítio paradisíaco, com muita gente jovem, muitas rambóiadas e muita festa à mistura.

A minha alma estava parva e a admiração era geral.
Estaria a professora a mudar?!
Este parecia ser um filme aparentemente normal, as personagens tinham a nossa idade, conduziam já com 16 anos, eram giras, divertidas, iam de férias juntas, how cool was that?!
Os primeiros 30 minutos do filme que visualizávamos disfarçavam tudo aquilo que ainda havia de vir.

Na tal viagem de amigas, enquanto as 4 raparigas cantarolavam os hits da altura, surge do meio do nada um vagabundo que é acidentalmente atropelado por elas e que invariavelmente morre.
Credo, a coisa começava a descambar.

O vagabundo é deixado na berma da estrada e o resto do filme retrata os conflitos entre elas, a omissão do cadáver, e o suicídio faseado de cada uma delas por não suportarem todo aquele desenrolar de acções.
As raparigas giras e divertidas do filme, estavam agora deprimidas, fortemente perturbadas, em conflito permanente umas com as outras, festas nem vê-las, só suicídios, muita melancolia, desespero, pessimismo, ansiedade, sofrimento... irra, uma grandessíssima bosta.

Mais uma vez a nossa querida professora tinha-se esmerado na escolha do filme, a sua pontaria continuava em altas e sempre a surpreender.

Foram desilusões após desilusões, cadê um filminho ao estilo do Dirty Dancing, ou assim um filminho assim do tipo... normal?!

Não ela não passou esses filmes, e é por isso que hoje posso dizer que qualquer filme de terror é para mim uma anedota depois de tudo o que vi, nenhum se compara à introdução sádica que tive em tenra idade por esta criatura em tudo sui generis.

terça-feira, julho 21, 2009

Susan ou Katherine

Afinal quem é que casa com o Mike?
Susan ou Katherine?
A 5ª temporada das Mulheres Desesperadas acaba com a cena de um casamento, onde o noivo é o Mike e a noiva... bem, não dá para perceber.
Pode ser a Susan como pode se a Katherine... ahhh tanto mistério...
Mas fãs desta série, aqui está uma foto recentemente tirada nas gravações da temporada 6 das Mulheres Desesperadas, eu sei não ajuda muito, a ideia deles é essa mesma, suspense até ao fim, leia-se princípio da nova temporada.
Quem quiser fazer apostas, be my guest.
Fica aqui o final da 5ª temporada e a dita foto que só veio aguçar ainda mais a curiosidade já instalada.


Eu gostava que fosse a Susan...

Como perder a autoridade em 1 segundo


Ora bem, é muito fácil.
Numa reunião de trabalho o telemóvel da chefia toca, gera-se o silêncio, ouvimos:
- "É a minha mulher"
(enquanto se dirige para a porta atende a chamada)
- "Olá amorzinho, então tudo bem com a minha gatinha?!"
(isto dito assim com voz à bebé...)

E depois disto não há como voltar atrás.
Voz à bebé???!
Uiiii não há retorno possível, mesmo.
Ridiculamente lamechas.
Agora é praticamente irresistível perguntar ao chefe:
"Quer o excel actualizadinho para amanhã?! óh puxi cuxi puxi, fofura dos seus colaboradores!"

segunda-feira, julho 20, 2009

Fim-de-semana de festas

seguidinhas...




Como não podia deixar de ser, tive de fazer a apreciação da mousse de chocolate presente em uma das festas. Como a avaliação foi muito positiva, tive de comprovar uma segunda vez a maravilha da mousse, só para ter a certeza da sua magnitude palatal.
Alarguei as minhas avaliações aos croquetes e rissóis de ambas as festas, e como podem imaginar o meu colesterol nesse dia adorou todo o carinho e o meu rabinho chegou mesmo a bater palmas.
Esta semana vou estar a água, nem o pão me salva, só água mesmo tal foi o exagero de doces e bolinhos ingeridos no sábado.
Pior, tudo previa que domingo seria o dia da redenção e do equilíbrio, mas um desafio para provar um gelado da Häagen-Dazs de chocolate Belga deitou por terra a minha boa intenção de eliminar os pecados de sábado e lá caí na tentação.

sexta-feira, julho 17, 2009

Aguardo pacientemente

pelo filme "Alice no país das maravilhas", realizado por Tim Burton.
A estreia está prevista para Abril de 2010, em Portugal.




quinta-feira, julho 16, 2009

India


Estou em vias de fazer malas e ir para a India...
2 meses em trabalho.
Leram bem, meses.
Os coleguinhas da India precisam da minha pessoa lá, mas aqui a je não está com muita vontade de lá ir.
Ainda para mais tanto tempo deslocada...
2 meses a comer caril e chamuças é no mínimo aborrecido.
Estou a aguardar mais desenvolvimentos, enquanto espero, desespero.
Ainda tenho esperança que não vá para a frente a proposta do chefão.
A ver vamos.

quarta-feira, julho 15, 2009

Mariza

Ontem fomos ver Mariza no Jardim do Marquês de Pombal, em Oeiras.
A noite esteve amena, o espaço é lindíssimo, e o concerto de Mariza foi muito bom.
Mariza é sem dúvida a fadista portuguesa da actualidade que melhor canta o nosso Fado.
Adorei ouvir a música instrumental, onde a guitarra portuguesa é excelência; a música da Rosa Branca e a Ó Gente Da Minha Terra são das minhas preferidas e por isso adorei o final do dia de ontem.
Aqui ficam algumas fotos e um pequeníssimo vídeo de ontem à noite.




video

terça-feira, julho 14, 2009

GripeA/ H1N1 – o lado positivo da coisa


Todos nós sabemos que os políticos podem ser portadores de muitas doenças, a gripe dos porcos é só mais uma.
Como ninguém quer apanhar o vírus H1N1, há que manter as devidas distâncias e precauções para com este grupo considerado perigoso e fortemente candidato a ser portador da gripe suína.
A situação agrava-se com o facto deste ano haver eleições eleitorais. Uma consequência conhecida das eleições é a abertura da época da caça ao voto, período esse também conhecido por permitir praticamente tudo, sobretudo a mentira.
É também de conhecimento público os efeitos das campanhas eleitorais nos políticos, nomeadamente a tendência para alterações de personalidade em tudo convenientes.
São particularmente as épocas eleitorais as causadoras da súbita afectividade dos políticos para com o povão, as eleições despontam de algum modo os ataques de afeiçoamento repentino pelos vendedores ambulantes e restantes feirantes.
Depois é vê-los desatar a abraçar tudo o que se mexe, tornando-se extremamente beijoqueiros e chatos, especialmente com as pessoas que ganham a vidinha nas praças e feiras deste país. Um autêntico transtorno...
Como sabemos este ano devido à gripe A as regras alteraram-se um bocadinho, vai daí o bom senso recomenda que não haja cá o pegar de criancinhas ao colo, como já é hábito, ou o abraçar de peixeiras, ou ainda dar beijos a anões.
Recusar um aperto de mão, um beijinho ou um abraço de um político (leia-se fonte potencial de infecção), é nos dias de hoje imperativo.
É por isso esperado que todos os candidatos ao poleiro minimizem os riscos de possíveis infecções e contágio, evitando assim a "beijoquisse" desmedida às multidões enquanto distribuem canetas e sacos de propaganda eleitoral.
Ok?!

Bola de sabão

em slow motion a desaparecer...





Fantástico!

segunda-feira, julho 13, 2009

O fim-de-semana

foi passado à beira-mar, esparramada na areia, de lombo ao sol, umas vezes estendida outras vezes deitada, a ouvir Jack Johnson e a saborear um novo livro todo ele em inglês.
Descobri durante a leitura deste livro que desconheço muitas palavras da língua inglesa, vai daí tenho andado a fazer um pequeno apanhado do novo vocabulário que vou encontrando durante o folhear de páginas.
A quantidade de vocábulos que desconheço é já significativa, e eu que pensava que dominava a língua de sua majestade...



Tenho ideia de que quando li o Pride and Prejudice da Jane Austen no secundário, não senti isto...


Enfim, estou enferrujada.

sexta-feira, julho 10, 2009

quinta-feira, julho 09, 2009

Tanque de chocolate


Um trabalhador da Lyons foi desta para melhor ao cair dentro de um tanque cheinho de chocolate.
O que o tramou foi a malograda pá que mistura o chocolate quente dentro do tanque, caso contrário hoje o senhor seria o mais invejado do planeta.
Hum chocolate…
Cair dentro de um tanque de chocolate derretido sem pás à mistura, é capaz de não ser mau de todo.
Mas atenção, chocolate sem ser do branco, de preferência um tanque da Milka...
Um tanque da Milka onde se produz o chocolate Milka Trufa Almendra...
Ahh isso sim, Nirvana.

Ontem em Estocolmo


Michael Jackson Tribute - Stockholm. July 8, 2009
Magnifico!

A letra L



Eis a razão para nunca poder ser candidata à Câmara de Oeiras...

Meirelles
Perestrello

É um outro nível, uma pessoa tem de enrolar a língua antes de pronunciar o nome deles, é mais chique, fica melhor sei lá.
Se o último nome fosse Silva, teríamos Oeiras salpicada com outdoors:
"Marcos Sillvas
Oeiras a sério"

É uma questão de L e no que toca a isso a Isabelinha ja ganhou, pode pôr
"Isabell Meirelles
Oeiras bllá bllá bllá"
4 L's dá direito a lugar ao pé do Isalltino.

Por isso, Allmeidas, Gonçallves, Mellos, Allves... todos vós podem concorrer.
Eu até gostava mas falta-me o L...

quarta-feira, julho 08, 2009

Mais uma vitima...

da gripe suína.

«Divina Sedução» junto à Sé


Fui seduzida, o "Divina Sedução" está aprovado!
Se gostam de cozinha gourmet, este é um espaço romântico, de decoração clássica onde podem experimentar novos sabores e degustar comidas em tudo organolépticas.
No "Divina Sedução" tivemos o prazer de experimentar várias entradas, entre elas a "Salada de Mexilhão", as "Endívias com Chévre" e o "Rissoto com queijo Parmesão" que foram as minhas preferidas.
A "Tagliatelle com Salmão" estava divinal assim como as "Pataniscas de azeitona" que provei, e adorei.
O vinho que acompanhou devidamente todo o repasto foi alentejano, um tinto envelhecido de aroma muito intenso e ligeiramente encorpado, ideal para a ocasião.
As sobremesas pareciam ser muito boas, no entanto não trinquei nenhuma, o bolo de aniversário foi o actor principal no último acto, apesar dos meus olhos fugirem para as mousses de chocolate que divinamente me seduziam.
Sendo a mousse de chocolate a minha sobremesa favorita, é de louvar o esforço que fiz para resistir à tentação. É verdade que tive uma ajuda, a vontade de provar foi atenuada pelo facto do bolinho ser todo ele de chocolate, salpicado com morangos, e de consistência igual a de um petit-gateau.
Amanhã faz uma semana que lá jantámos, fica agora o testemunho de um lugar romântico, decorado com muito bom gosto e comida excepcional, que vos recomendo.

terça-feira, julho 07, 2009

Tudo ao preço da uva mijona!


A Staples tem estado a instruir os muitos homens daqui o conceito de saldos.
A loucura começou ontem, mas rapidamente acabou.
E é vê-los chegar aqui cabisbaixos sem sequer uma pen terem comprado.
É o lamento do costume, próprio dos saldos:
"já não havia nada, levaram tudo"
"os PCs estavam todos amontoados como camisolas na feira"
"vi PCs a cair ao chão..."
"uma impressora que até era boa mas que lhe tinham tirado o toner..."
"um amigo de um amigo disse que o melhor é ir à Staples de Sintra porque lá conseguiu comprar um portátil mesmo muito barato!"
"estava uma fila enorme, não deu para ver nada, cada qual agarrava o que vinha à mão"
Eu tenho apenas uma palvra:
Bambis
É a vida, ou melhor, são os saldos.

segunda-feira, julho 06, 2009

E...

Parece que Tony Carreira também vai homenageá-lo com a música "Sonhos de Menino" ou "A vida que eu escolhi"...
Just kidding... mas foi irresistível. :)

Homenagens

São várias as homenagens ao rei da pop, esta é particularmente bonita.
Tributo a Michael Jackson por Beyoncé


Beyoncé performing in Atlanta, GA July 1, 2009 at Philips arena

Outro tributo especial foi o de Madonna em Londres este fim-de-semana:


Madonna performing in London, at the O2 arena.

"Let's give it up to one of the greatest artists the world has ever known: Michael Jackson. Long Live The King!"

sexta-feira, julho 03, 2009

Golf invitation


Aceitei ir jogar golfe amanhã e neste momento estou em dúvida quanto à indumentária a levar para o green.
O tempo está a prometer chuva, os pólos já foram em tempos uma opção de vestuário mas de momento não me encantam.
Depois temos o calçado usado no campo de golfe que está longe de ser elegante, é horroroso, e está a anos luz da graciosidade que um belo par de sapatinhos ou sandálias altas podem conferir.
A realidade é que aqueles sapatos tipo ortopédicos a roçar os modelitos facilmente encontrados na "Loja do Avô", não favorecerem mulher alguma, nem mesmo uma Jessica Biel, repito N-E-N-H-U-M-A mulher, em particular uma que vista calções e vá de taco na mão enfiar bolas em buracos.
Apetece-me revolucionar a moda no campo de golfe e aparecer no Clubhouse com um figurino inovador, numa tentativa de reinventar a moda das golfistas ou de pelo menos sugerir alternativas.
It's a hard job but somebody has to do it ;)

quinta-feira, julho 02, 2009

O Ferrari do vizinho


Ontem o meu cão marcou como de costume as árvores do sítio e resolveu baptizar pela primeiríssima vez uma belíssima roda de um Ferrari, novinho em folha, estacionado em frente à nossa casa.
Confesso que quando dou conta do alçar da perninha já o canino ia a meio do serviço, por momentos temi que algum alarme do brinquedo do vizinho disparasse e tivesse algum contratempo...
Isto nunca se sabe, já vi muitas rodas a serem marcadas mas normalmente as seleccionadas integram viaturas ditas comuns, e não bombas de estrada que até gadgets semelhantes aos dos F1 têm.
Uma coisa é certa, para o meu cão aquela roda foi só mais uma roda, talvez a mais atractiva até ao momento por ser toda incrivelmente brilhante.
No entanto, lá no fundo a roda xpto serviu o mesmo propósito e certamente proporcionou o mesmo alivio.

quarta-feira, julho 01, 2009

Mango

E em saldos lá feirei uma destas mas em preto ;)
Giraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa



Na Cortefiel também consegui um trapinho jeitoso, o desconto foi razoável, leia-se de 10€ apenas, enfim podia ser melhor...

Como já disse aqui, os saldos não são para mim, irrita-me um bocadinho o amontoado de roupa nas lojas, a falta do tamanho M de roupas pelas quais nos apaixonamos, enfim são períodos complicados do ano. Como hoje fui na companhia de duas amigas, a coisa até correu bem, no entanto continuo a dizer que em saldos é preciso ter olho de lince, quem não tem muita paciência para andar a ver montes de roupa o melhor é não entrar em lojas concorridas por esta altura do ano.
Believe me, really chaotic!