sexta-feira, junho 18, 2010

Day 5 - Ponto G, existe algum algoritmo?

E a resposta a esta pergunta, é no mínimo complexa.
O ponto G existe sim, algoritmos para o encontrar é que nem por isso.

Para esclarecer isto, vou tentar explicar primeiro algo mais fácil de encontrar - o clitóris.
A verdade é que muitos homens (e algumas mulheres), não fazem ideia do potencial daquele pedacinho de carne, formado por N fibras nervosas, promotor oficial de grandes prazeres, e que foi construído a uma escala exasperadamente baixa, de maneira a ser um enigma para quem não tiver a destreza na ponta dos dedos.
Como diz uma amiga, "Dado que um milímetro mais à direita, ou mais à esquerda, pode equivaler geograficamente ao mesmo, que a distância entre Lisboa e o Pólo norte, não é de estranhar que muitos fiquem a pensar que chegaram a aproximar-se do Tejo, quando sem saberem, ficaram por ali, a remar no gélido Árctico"
Por isso meus caros, se compreenderem bem um clitóris, o desafio seguinte será então o ponto G.
E o ponto G é, segundo a wikipédia, "Não muito fácil ao tacto, situa-se logo abaixo do osso púbico, profundamente na parede anterior da vagina, entre sua abertura e o colo do útero."
Pois... eu percebo, isto é a mesma coisa que dizer a um homem sem GPS e sem mapa, as indicações para Sevilha.
Se ele perguntar aos amigos, alguns dirão que já lá estiveram, que é muitíssimo fácil de lá chegar, que fizeram aquilo em 3 horas, e que até podem explicar sem problemas como encontrar o caminho.

Mas aqui para nós, não vão por aí, o melhor nestas situações é esquecer os amigos, e quando não souberem, é não ter vergonha de parar para perguntar.
Eu sei que é complicado, geneticamente um homem não está minimamente concebido para assumir quando está perdido; mais depressa faz 200km à deriva, que aceita parar para receber indicações úteis à viagem, mas acreditem, neste tipo de viagem, quando não fazem ideia por onde estão a ir, parem, perguntem, sigam as indicações que vos vão sendo dadas, não optem por caminhos que não levam ninguém a lado nenhum, capiche?

E pronto, espero ter conseguido responder às perguntas propostas, o curso chega assim ao fim, e agora ide prat... ler mais sobre o assunto.
Sejam felizes!

5 comentários:

Carla Isabel disse...

LOL

Professora catedrática , portanto!

Bjs

Hippie disse...

So faltava colocares um mapa em papel milimétrico.

Hippie disse...

So faltava colocares um mapa em papel milimétrico. :D
Mas não ponhas, pois a procura dá gosot :P

zephirus disse...

Também me parece que andas à procura...

eniac disse...

Algoritmos para o encontrar, não! Mas para o estimular existem muitos :-)