quarta-feira, maio 12, 2010

"Vamos à casa de banho?" - Revelações

"Porque é que as mulheres vão sempre à casa de banho aos pares?"

Eu sei que esta é a pergunta de 1 milhão de euros, que muito boa gente gostaria de saber responder, e que até hoje só gerou controvérsia.
Atrevo-me a dizer que a resposta a esta pergunta, é tão ou mais valiosa que alguns Segredos de Estado, ou até de Fátima.
Aquilo que estou prestes a revelar é bombástico, e pode mesmo mudar a vidinha de quem lê...
Por tudo isto aviso desde já os mais sensíveis, que a partir de agora o melhor é parar de ler este post, ok?

Bom, eu avisei...

SPOILER SPOILER SPOILER SPOILER SPOILER SPOILER SPOILER

Ora bem, uma das razões pela qual as mulheres vão sempre aos pares à casa de banho, chama-se...
Espelho.
Eu sei que poderão pensar, "O quê? O espelho? Que desilusão... Ah não pode ser... " pois mas é verdade, o espelho esse grande amigo...

É em frente ao espelho que conferimos o visual, retocamos a maquilhagem, verificamos os decotes, eliminamos da dentição os vestígios de comida, ajeitamos o cabelo, isto tudo em paralelo com muito corte e costura com a amiga que nos segue.
É na casa de banho que nós mulheres temos as nossas mini-reuniões de estratégia para os assuntos da vida, onde desabafamos, choramos, partilhamos sentimentos (e maquilhagem...), explicamos os nossos problemas, resolvemos situações, falamos mal deste ou daquela, tomamos decisões, comentamos o figurino de uma ou de outra cabra (enquanto observamos as nossas expressões faciais frente ao espelho), rimos, revelamos segredos, fazemos amigas, filosofamos.
É por isto tudo que demoramos sempre tanto tempo, porque há sempre tanto por dizer...

Nós mulheres nascemos garantidamente com um dom, conseguimos conversar durante horas a fio sem ficarmos aborrecidas, somos capazes de começar a debitar as primeiras palavras por volta dos 11 meses de idade, ao contrário dos rapazes que quando chega a hora de se explicarem, trocam-se um bocadito, e depois é assim até morrerem...

Portanto a resposta à pergunta que tantos fazem, resume-se a estar num local seguro, sem homens, onde existem N espelhos, uma amiga, e uma incontrolável intemperança verbal.

Depois existe um pacto de casa de banho que qualquer gaja pode confirmar, e que passa por "tudo o que passa na casa de banho, fica na casa de banho", é uma espécie de acordo que já vem na nossa genética, e que respeitamos.
Jamais uma mulher deverá quebrar esta regra, não há conversas, segredos, comentários, partilhas de casa de banho que possam ser revelados a terceiros, nem mesmo sob tortura...
Toda a gaja sabe isso.

Por último é na casa de banho que aliviamos o xixizinho, mudamos os tampões e afins, enquanto continuamos claro está, a verbalizar com a nossa amiga, que muitas vezes é quem nos segura a mala, dispensa um lenço de papel, ouve-nos as inseguranças, e até no dia de casamento presta-nos auxílio ao segura-nos o vestido de noiva, enquanto aguentamos "a posição", e suavizamos a necessidade fisiológica.

Portanto se tomarem tudo isto em conta, vamos bater ali nos 15 a 20 minutos dentro do espaço sagrado.
Vem daí a explicação do porquê das casas de banho femininas estarem sempre à pinha, e das filas de espera serem sempre enormes...

Pronto, é isto...

__________________________________________________________________
Meninas,
Tudo o que aqui foi revelado não ofende nem melindra o código de honra dos Wc's femininos, sendo que nenhum segredo foi na realidade revelado.

Um comentário: